Notícias

 

Crea-CE acompanha resultados de fiscalização sobre uso de agrotóxicos estado.



O presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Ceará, engenheiro civil Emanuel Maia Mota, vem acompanhando os resultados de uma ação desenvolvida pela Secretaria de Meio Ambiente. Sob as orientações da Coordenadoria de Desenvolvimento Sustentável (CODES) e com o apoio do Ministério Público (MP), equipes interinstitucionais desencadearam no início do mês de abril, uma operação de Fiscalização Integrada de Comércio e Uso de Agrotóxicos nos municípios de Crato, Barbalha, Mauriti, Missão Velha e Juazeiro do Norte. Na última quarta-feira, dia 11 de abril, a Secretaria apresentou os resultados dessa ação.

Os dados sobre a Fiscalização Integrada de Comércio e Uso de Agrotóxicos foram apresentados no Centro de Referência Ambiental do Parque do Cocó pelo secretário da SEMA, Artur Bruno, que revelou alguns detalhes sobre a operação que vem inibindo o uso irregular de agrotóxicos no Ceará. Segundo o secretário, o trabalho foi iniciado em 2013 com o objetivo de dar suporte a atuação do Poder Público no combate a utilização e comercialização de produtos agrotóxicos de maneira indiscriminada e inadequada. Sobre a operação o secretário Artur Bruno foi taxativo: “Hoje, representa um importante instrumento para o disciplinamento da utilização e comércio de produtos agrotóxicos, no nosso Estado”, disse o secretário da SEMA.


O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Ceará (CREA-CE) atuou na Fiscalização Integrada de Comércio e Uso de Agrotóxicos ao lado do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA); Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA); Agência de Defesa Agropecuária do Ceará (ADAGRI); Superintendência Estadual do Meio Ambiente (SEMACE), Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (SESA); Secretaria da Fazenda do Ceará (SEFAZ-CE) e Batalhão Policial Militar Ambiental (BPMA).

O trabalho das equipes interinstitucionais foi realizado em duas frentes. Na primeira frente de batalha uma equipe percorreu áreas comerciais e visitou alguns estabelecimentos especializados na venda de produtos agrotóxicos. Enquanto isso, outra equipe voltou seu foco para visitas em propriedades rurais nas quais foram observadas situações ligadas ao meio ambiente, saúde do trabalhador e exercício profissional.

O presidente do Crea-CE ressaltou a importância dessas atividades para o controle criterioso do uso de produtos que podem ser nocivos à saúde humana. “É preciso coibir de maneira rigorosa o uso exagerado e inadequado de agrotóxicos nos alimentos. E isso só é possível através de uma fiscalização eficaz”, ressaltou Emanuel Maia Mota.

Assessoria de Comunicação

Confira outras notícias do Crea-CE

05/08/2021

Nota de Pesar

10/05/2021

Nota de Pesar

19/01/2021

Anuidade 2021

19/05/2020

LUTO NO MAGISTÉRIO

03/01/2020

Nota de Falecimento

02/01/2020

Aviso Importante

20/09/2019

DIVISORA DE ÁGUAS

17/09/2019

Medalha do Mérito

30/07/2019

Redes Sociais

08/03/2019

Mulheres fortes

01/03/2019

Piso Salarial

09/01/2019

Anuidade 2019

13/11/2018

Nota de Pesar

21/08/2018

Aberta a 75ª SOEA

14/08/2018

Prêmio IBEC

04/07/2018

Nota de Pesar

23/04/2018

PL 9818/2018

19/04/2018

NOTA DE PESAR

27/03/2018

NOTA TÉCNICA

01/03/2018

APP do Crea-CE

22/12/2017

Boas Festas!

14/11/2017

CONVITE

10/11/2017

A BEM DA VERDADE

27/12/2016

COMUNICADO

13/12/2016

Semana Tecnológica